[Olhares sobre o Beovizija 2018] Quem representará a Sérvia no Festival Eurovisão em Lisboa?


Dezassete canções estão na corrida para representar a Sérvia no Festival Eurovisão 2018 em Lisboa. Quem será o grande vencedor do Beovizija 2018? Conheça a opinião do painel do Olhares.


Depois de várias seleções internas e de finais nacionais, a emissora estatal da Sérvia organiza, pela primeira vez desde 2009, o Beovizija 2018 para selecionar os seus representantes para o Festival Eurovisão 2018. O Sava Centar em Belgrado, local do Press Center do ESC2008, receberá o concurso, que contará com 17 temas interpretados nas línguas oficiais da Sérvia. O televoto (50%) e um painel de jurados (50%) serão os responsáveis pela eleição dos representantes sérvios em Lisboa.

Quer participar  no Olhares sobre as finais nacionais? Saiba tudo AQUI.

Não perca mais tempo e conheça os favoritos do painel do Olhares sobre o Beovizija 2018:

Daniel Sousa aposta em Danijel Pavlovic e "Ruza sudbine"
Foi em tempos um dos países que mais apreciei na Eurovisão. O regresso do sérvio ao concurso é uma das grandes notícias da temporada, bem como o regresso ao Beovizija. Danijel Pavlovic e "Ruza sudbine" são os meus favoritos para representar a Sérvia em Lisboa. É uma das canções mais interessantes e cativantes do festival sérvio.


Hugo Sepúlveda aposta em Sanja Ilić & Balkanika e "Nova deca"
Finalmente a Sérvia voltou às suas sonoridades e à sua língua! Apesar de ter gostado deste retorno, admito que tal regresso possa ter limitado, em demasia, a diversidade de géneros musicais... Havendo uma ou outra que me agrade, a que se destacou mais desde o primeiro momento foi Nova Deca.  Penso que nesta canção há uma óptima combinação entre os sons tipicamente balcânicos e os mais modernos, combinação que espero que resulte muito bem e que ao vivo façam jus à ambiência mística que a canção carrega.

João Diogo aposta em Saška Janks e "Pesma Za Tebe"
A Sérvia apresenta-nos uma final nacional cheia de sons tradicionais, o que é de louvar. Normalmente sou grande fã dos sons balcânicos mas a maior parte destas canções apresenta... um nível fraco. Ainda assim, existem alguns bons temas como “Pesma Za Tebe”, “Ruža sudbine” e “Pod krošnjom bagrema”. A minha favorita é a canção da Saška Janks, uma balada muito bem construída, despretensiosa, mas que me agarrou durante três minutos.


Nuno Carrilho aposta em Sanja Ilić & Balkanika e "Nova deca"
Longe dos grandes resultados desde 2012, a Sérvia deverá voltar à fórmula que lhe deu algumas das suas melhores recordações: os ritmos balcânicos. A abertura linguística dá um valor inigualável a esta final nacional que, contudo, fica muito aquém de anteriores edições do Beovizija. Destaco a candidatura de Sanja Ilic & Balkanica: uma canção bastante apelativa que deverá fazer furor na semifinal. Saska Janks e Danijel Pavlović são outros dos candidatos que mais expectativas me trazem para o concurso.


Nuno Reis Conceição aposta em Sanja Ilić & Balkanika e "Nova deca"
O Beovizija 2018 oferece-nos um conjunto de canções medianas, com uma diversidade musical moderada. Interessante a opção de cantar numa das línguas nacionais do país, o que se traduz em sonoridades exóticas (pelo menos para os ouvidos "ocidentais"). Gosto de músicas com apontamentos étnicos, ainda que ténues. O meu Top 3 é constituído pelas propostas defendidas por Maja Nikolic (um "guilty pleasure", sem dúvida), Sanja Ilic & Balkanika e Biber & DJ Niko Bravo, com "Nova deca" a levar a melhor sobre as suas mais directas adversárias. A espreitar o Top 3 surge "Ni sunca, ni meseca" (por Ivan Kurtic).

Tiago Silva aposta em Sanja Ilić & Balkanika e "Nova deca"
Fico contente da Sérvia voltar a apostar na sua língua e no retorno do Beovizija... mas a qualidade das canções ficou, no geral, um pouco aquém das minhas expectativas. No entanto, algumas destacam-se por aquele que era um dos pontos fortes da Sérvia no Festival Eurovisão: a tradicionalidade. Deste modo, 'Nova Deca' e 'Ruza Sudbine' foram as propostas que mais me prenderam e espero que uma delas represente o país em Lisboa.

Aceda, de seguida, aos resultados das votações dos 6 comentadores:

1.º Sanja Ilić & Balkanika – “Naša deca" - 58 pontos
2.º Saška Janković – "Pesma za tebe" - 52 pontos
3.º Danijel Pavlović – “Ruža sudbine" - 47 pontos
4.º Dušan Svilar – "Pod krošnjom bagrema" - 33 pontos
5.º Boris Režak – "Vila" - 26 pontos
6.º Maja Nikolić – "Zemlja čuda" - 23 pontos
7.º Igor Lazarević – "Beži od mene" - 20 pontos
8.º Biber & DJ Niko Bravo – "Jutros (Svatovi)" - 20 pontos
9.º Rambo Amadeus & Beti Đorđević – "Нема те" - 14 pontos
10.º Ivan Kurtić – "Ni sunca, ni meseca" - 12 pontos
11.º Koktel Balkan – "Zato" - 12 pontos
12.º SevdahBABY – "Hajde da igramo sada" - 9 pontos
13.º Lord – "Samo nek se okreće" - 8 pontos
14.º Srđan Marijanović & Emil – “Bar da znam" - 4 pontos
15.º BASS – "Umoran" - 4 pontos
16.º Osmi Vazduh & Friends – “Probudi se" - 4 pontos
17.º Lana & Aldo – "Jača sam od svih" - 2 pontos



Quer participar  no Olhares sobre as finais nacionais? Saiba tudo AQUI.

Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ESCPortugal / Imagem e Vídeo: Google

Sem comentários