[ESPECIAL 2017] O teatro em destaque

Tal como anunciámos AQUI, apresentamos nestes primeiros dias do ano uma série de artigos especiais como balanço do ano de 2017. Hoje, damos destaque ao Teatro. Salas encheram para ver o teatro que contou com os nossos artistas em grande plano. Nelson Costa destaca os 5 espetaculos que merecem nota máxima em 2017. 


Simone: O Musical 

Neste musical em forma de drama, Simone partilha as suas memórias, as lutas e as vitórias ao longo de toda uma vida. Simone de Oliveira é sinónimo de força, autenticidade e muita coragem para enfrentar tudo aquilo que a vida lhe oferece, tanto de bom como de mau. Fez-se ouvir numa sociedade onde as mulheres não tinham voz e foi por duas vezes a “voz de Portugal” na Europa. Um timbre de voz inconfundível, uma personalidade forte, sempre rebelde e lutadora. Simone: O Musical foi escrito por Tiago Torres da Silva e teve direção musical de Renato Júnior, dupla que levou Simone de Oliveira de volta ao Festival da Canção em 2015. O espetáculo retrata diversos momentos da longa carreira e vida de Simone. O ESCPORTUGAL assistiu a este musical em Lisboa (AQUI) e no Porto (AQUI), musical este que merece nota máxima considerando o argumento e as interpretações de excelência de Maria João Abreu, José Raposo, Sissi Martins, Ruben Madureira, FF, Marta Andrino, Pedro Pernas, Soraia Tavares e Salvador Nery. Em 2018, o musical está em digressão pelo país.




A Volta ao Mundo em 80 Minutos

Após êxitos como ‘Fado, História de um Povo’, ‘O Melhor de La Féria’,  ’A Noite das Mil Estrelas’ e ‘O Musical da Minha Vida’, a cortina do Salão Preto e Prata do Casino Estoril voltou a abrir para receber Filipe La Féria e a sua nova grande produção – A Volta ao Mundo em 80 Minutos. Pegando no clássico de Júlio Verne, que escreveu “A Volta ao Mundo em 80 Dias”, João Baião leva-nos a viajar por um período de tempo mais curto, 80 minutos. Aqui, o conhecido apresentador oferece-nos a energia que tão bem o caracteriza, canta, dança, representa, sendo o fio condutor das múltiplas histórias deste musical e dos muitos atores, cantores e bailarinos que sobem ao palco. Filipe La Féria já nos ofereceu dezenas de peças diferentes, mas consegue sempre algo de novo e surpreendente. Para além de João Baião, esta grande produção (que, curiosamente, foi escolhida pela SIC para programa de réveillon) conta com as participações de Dora, Catarina Pereira, Ricardo Soler, Paula Sá, entre outros. O ESCPORTUGAL esteve no Coliseu do Estoril (AQUI) e, neste momento, a peça pode ser vista no Teatro Politeama, em Lisboa. 




Musical Amália 

Em 1998, Amália Rodrigues expressou o desejo de ver a sua vida transformada num musical. Em 1999 Portugal vê falecer a grande artista 'cuja voz cabiam todos os poetas'. Pouco tempo depois, Filipe La Féria concretiza o desejo de Amália. Estreada em 1999 no Casino do Funchal, na Madeira, "Amália - O Musical" teve seis anos em cena, registando mais de três milhões de espectadores repartidos por 1375 representações em inúmeras salas, como o Teatro Politeama, o São Luiz, o Coliseu do Porto, o Auditório do Casino Estoril e o Zenith, em Paris. O musical tornou-se no maior sucesso de sempre dentro do género feito em Portugal que, só em Paris, teve mais de cinquenta mil espectadores. O Musical Amália voltou a estar em cena no início de 2017. Com algumas adaptações e um elenco renovado, a nova versão contou com Alexandra, Anabela e Liana como protagonistas, à frente de um elenco com cinco dezenas de atores, cantores, bailarinos e músicos. O ESCPORTUGAL esteve no Teatro Politeama (AQUI).



Ol(h)á Florbela 

O teatro de revista merece um carinho especial por parte da equipa do ESCPORTUGAL. Em 2017 merece nota máxima a revista Ol(h)á Florbela, um espetáculo repleto de humor, de sátira social, de elegância e de boa disposição. O espectáculo esteve em digressão em todo o país, tendo o ESCPORTUGAL assistido à estreia no Porto (AQUI). Tal como é característica do teatro de revista, assistimos à sátira de alguns momentos do nosso quotidiano e a vários momentos muito bem interpretados, destacando-se uma balada, homenageando os emigrantes, interpretada com emoção por Marisa Carvalho, e dois fados escritos por Flávio Gil interpretados por Vera Mónica. Esta revista teve o condão de voltar a trazer para as luzes da ribalta a atriz Florbela Queirós, que desta forma comemorou no ativo os seus 60 anos de carreira. 




Quem tem medo de Virginia Woolf? 

Alexandra Lencastre e Diogo Infante são Martha e George nesta versão de um dos maiores clássicos contemporâneos da dramaturgia norte-americana, assinado por Edward Albee. Trata-se de um dos thrillers psicológicos mais famosos de sempre, alvo de múltiplas versões e adaptações, a mais célebre protagonizada nos anos 60 por Elizabeth Taylor e Richard Burton, também no cinema onde foi vencedor de cinco Óscares, entre os quais o de melhor atriz. A peça mantém-se, contudo, intemporal até aos dias de hoje. O ESCPORTUGAL esteve na estreia de Quem tem medo de Virginia Woolf?no Teatro Nacional de São João (AQUI). E pudemos comprovar que esta é uma das raras ocasiões onde a interpretação, o desempenho e a produção combinam em palco perfeitamente. 




Acompanhe todos os artigos do ESPECIAL 2017 AQUI 


Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ESCPORTUGAL / Imagem: GOOGLE  / Vídeo: YOUTUBE

Sem comentários