Espanha: RTVE antecipa anúncio de 4 finalistas da 'Operación Triunfo'


Ao contrário do que havia sido avançado, 4 dos 5 finalistas da Operación Triunfo serão conhecidos na próxima segunda-feira, 15 de janeiro. O quinto candidato a representar Espanha em Lisboa apenas será conhecido na gala de 22 de janeiro.

Depois de ter avançado com a data da final nacional para o Festival Eurovisão 2018 (AQUI), a emissora espanhola RTVE revelou, recentemente, mais pormenores sobre a gala eurovisiva da Operación Triunfo 2017. Ao contrário do que havia sido avançado, 4 dos 5 finalistas da competição serão conhecidos na próxima segunda-feira, 15 de janeiro, durante a gala do talent show.

O júri da Operación Triunfo (Mónica Naranjo, Manuel Martos, Joe Pérez-Orive e a convidada Julia Gómez Cora) será o responsável pela eleição de 3 dos 6 candidatos participantes para a Gala Eurovisión e a Grande Final da OT. Os três candidatos restantes serão avaliados pelo grupo de professores da Academia que selecionará o 4.º finalista da competição. Por outro lado, os dois restantes candidatos estarão a votação do público durante a semana, sendo que o quinto (e último) finalista da competição apenas será conhecido a 22 de janeiro.

No dia seguinte, a 23 de janeiro, a RTVE revelará o título das canções e os compositores a concurso, sendo que a decisão de quem representará Espanha no Festival Eurovisão 2018 acontecerá a 29 de janeiro com o público a ser o responsável pela decisão. Por outro lado, a Grande Final da OT acontecerá na segunda-feira seguinte, 5 de fevereiro.

Estreante em 1961, Espanha conta com 57 participações no Festival Eurovisão, tendo sido o primeiro país a conquistar duas vitórias consecutivas (1968 e 1969). Além das duas vitórias, o país conta também com quatro segundos lugares e um terceiro posto, bem como 21 posições no top10 do certame, a última delas em 2014. Manel Navarro representou Espanha no Festival Eurovisão 2017 com a canção Do It For Your Lover, conquistando a pior classificação da história do país: na grande final, o cantor obteve a 26.ª (e última) classificação com apenas 5 pontos, todos oriundos do televoto de Portugal. Recorde, de seguida, a atuação:


Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ESCToday / Imagem: Google / Vídeo: Youtube

5 comentários:

  1. Anónimo16:25

    Segundo estas regras, o representante espanhol pode bem ser um dos repescados e, por conseguinte, nem ser nem finalista nem o grande vencedor de OT, o que pode vir a ser muito polémico caso aconteça (é justo ou injusto o vencedor de OT não ser o representante no ESC?). Bem diferente do que aconteceu noutros tempos, inclusive por cá, em que o vencedor de OT era o representante no ESC.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo19:08

      Não sei onde foste buscar essa informação em nenhuma edição tanto cá como em Espanha o vencedor era logo o representante, uma coisa e ganhar o programa outra o direito em ir ao ESC, em 2003 a Beth foi como Dime mas não ganhou a OT, em 2003 a Rita Guerra foi mas nem participou na OT

      Eliminar
    2. Anónimo20:18

      Anónimo 19:08, a Sofia Vitória ganhou a OT e representou Portugal no ESC 2004

      Eliminar
    3. Anónimo01:22

      Pois, Anónimo das 20:18, mas como já foi dito aqui, em 2003 a Beth foi como Dime mas não ganhou a OT, em 2003 a Rita Guerra foi mas nem participou na OT.

      Eliminar
    4. Anónimo14:35

      Sou o anónimo das 19:08

      Eu entendo que possas ter tomado o exemplo da Sofia em 2004 tal como aconteceu com a Rosa em 2002 mas o formato do programa nunca foi nem aqui nem em Espanha o vencedor da OT ser automaticamente o representante espanhol ou português, são coisas diferentes 1 ganha a OT mas pode ou não ganhar o direito em ir ao ESC porque existe após a vitória da OT uma segunda final em que todos partem de igual

      Eliminar