Apesar da sabedoria popular ensinar que "De Espanha, nem bom vento nem bom casamento", Espanha é o país que mais pontos deu a Portugal no Festival Eurovisão em toda a história. No dia em que se assinala o 377.º aniversário da Restauração da Independência, o ESCPortugal convida-o a conhecer melhor as relações de Portugal e Espanha no concurso internacional.

No dia em que se assinala o 377.º aniversário da Restauração da Independência, o ESCPortugal convida-o a conhecer melhor as relações entre Portugal e Espanha ao longo da história do Festival Eurovisão. Apesar de terem partilhado várias centenas de pontos, sabia que Portugal deixou mais vezes Espanha de fora dos pontuados do que vice-versa? E sabe quantas pontuações máximas foram partilhadas?

Espanha tem uma melhor média de participação do que Portugal
Com 57 participações em Grandes Finais do Festival Eurovisão, Espanha tem uma média de participação de 12,08, valor abaixo do registado se não tivermos em conta os resultados dos últimos dez anos (10,57). Por outro lado, Portugal, com 41 participações em Grandes Finais, tem uma média de 13,75, valor distante do registado por nuestros hermanos, não sofrendo grandes alterações se desprezarmos os valores dos últimos dez anos (13,97).


Nos confrontos diretos, Espanha venceu Portugal por 27-14
Entre 1964 e 2017, os dois países ibéricos participaram em 41 edições em conjunto na Grande Final do Festival Eurovisão. Espanha levou a melhor na maioria dos confrontos, superando a classificação de Portugal em 27 edições, tendo perdido em apenas 14 participações. No entanto, a maior goleada pertence a Portugal com a vitória de Salvador Sobral em Kiev: os dois países ficaram separados por 25 posições, superando a marca de 1995 e 1997, anos em que Espanha superou Portugal em 19 e 18 posições, respetivamente.


Portugal perde no número de presenças no top10 do Festival Eurovisão...
Em 49 participações, Portugal tem um total de 10 presenças no top10 no Festival Eurovisão, destacando-se a vitória de Salvador Sobral e o sexto lugar alcançado por Lúcia Moniz em 1996. Contudo, por outro lado, Espanha contabiliza 28 presenças no top10 do concurso em 57 participações, isto é, em quase metade das suas participações, Espanha ficou entre os 10 mais votados.


,,, mas tem menos presenças nos últimos lugares do Festival Eurovisão
Em 14 das 41 presenças na Grande Final, Portugal não conseguiu escapar aos últimos lugares da geral, registando 15 classificações entre o 16.º e o 24.º lugar. Contudo, Espanha registou 18 presenças entre essas duas classificações, a maioria delas nos últimos anos: em 2015 ocupou o 21.º, em 2016 o 22.º e em 2017 o 26.º lugar, a pior classificação de sempre.



Portugal deu 10 pontuações máximas a Espanha e recebeu 7 pontuações máximas de volta
Em 49 oportunidades, Portugal atribuiu em 10 ocasiões a pontuação máxima do Festival Eurovisão a Espanha. A primeira aconteceu em 1966 (único ano em que os dois países partilharam as pontuações máximas entre si), tendo-se repetido em 1968, 1973 e 1974. Depois da instauração do atual sistema de votação, os doze pontos de Portugal apenas rumaram a Espanha em 1984, 2003-2004 e 2010-2012. Por outro lado, Portugal recebeu de Espanha a pontuação máxima em sete edições distintas.: em 1966, 1968, 1969 e 1971 a candidatura portuguesa foi premiada com o máximo do júri espanhol, algo que apenas se voltou a repetir em 1993 e 1994. Em 2017, Salvador Sobral fez a dobradinha espanhola, recebendo a pontuação máxima do júri e do televoto espanhol.


Espanha ficou de fora das pontuações portuguesa em 20 das 49 edições
Longe de terem uma relação efusiva de partilha de pontos, Portugal apenas pontuou Espanha em 29 das 49 oportunidades, deixando nuestros hermanos a zeros em 20 ocasiões. Por outro lado, contando também com as possibilidades de votar na semifinal em que Portugal participou, Espanha pontuou Portugal em 32 das 47 oportunidades, deixando Portugal a zeros em apenas 15 edições.


Portugal deu 195 pontos a Espanha e recebeu 178 pontos (mais 71 em semifinais)
Tendo em conta apenas as pontuações em Grandes Finais, Espanha recebeu, de Portugal um total de 195 pontos (o país que mais pontuou Espanha), tendo retribuído com 178 pontos (terceiro país que mais pontos recebeu de Espanha). Contudo, se tivermos em conta também as pontuações nas semifinais, Espanha ultrapassa França na lista de países que mais pontuou Portugal (em Grandes Finais, França deu 180 pontos a Portugal) com um total de 249 pontos, mais 7 pontos que os gauleses.


Simone de Oliveira representou Portugal em Madrid. Quem representará Espanha em Lisboa?
A 29 de março de 1969, Espanha organizou, no Teatro Real, em Madrid, o Festival Eurovisão de 1969, a única edição até ao momento que foi sediada na Península Ibérica. Simone de Oliveira e "Desfolhada Portuguesa", uma das mais icónicas participações portuguesas, representaram Portugal em Madrid, não indo além da penúltima posição. Quem representará Espanha em Lisboa?


Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: ESCPortugal / Imagem: ESCPortugal/Vìdeo: Youtube

2 comentário(s):

  1. Anónimo08:16

    Gosto muito deste artigo.

    ResponderEliminar
  2. Anónimo02:51

    Também achei muito interessante.

    ResponderEliminar

Temas em Destaque

 
Top