O jornal sueco Aftonbladet acertou em 23 dos 24 nomes avançados como possíveis concorrentes do Melodifestivalen 2018: Emilia, finalista do Melodifestivalen 2009, foi a única cantora mencionada que não está no lote de selecionados.

Ano após ano, o jornal sueco Aftonbladet tem-se destacado na comunidade eurovisiva devido a uma elevada taxa de acertos dos candidatos do Melodifestivalen e este ano não foi excepção. Da lista de 24 nomes apontada na véspera do anúncio oficial, 23 estão na corrida para representar a Suécia no Festival Eurovisão em 2018. A única excepção foi a cantora Emilia, finalista do Melodifestivalen 2009, que foi apontada pelo tablóide sueco mas acabou por não constar da lista de 28 semifinalistas.

Aceda AQUI aos semifinalistas do Melodifestivalen 2018.

Estreante em 1958, a Suécia participou em 57 edições do Festival Eurovisão, tendo falhado apenas um apuramento para a grande final (em 2010), sendo um dos países mais bem sucedidos no evento com seis vitórias no curriculum (1974, 1984, 1991, 1999, 2012 e 2015). Em Kiev, Robin Bengtsson e I Can't Go On foram os representantes do país, tendo conquistado o 5.º lugar com 344 pontos: esta foi a primeira vez que o país conquistou um lugar entre os cinco primeiros pela quarta vez consecutiva.

Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte: ESCPedia /Imagem/Vídeo: SVT

0 comentário(s):

Enviar um comentário

Temas em Destaque

 
Top