A União Europeia de Radiodifusão revelou que recebeu quase de 330 mil votos no Festival Eurovisão Júnior 2017 oriundos de mais de 100 países: "É um claro sinal da popularidade do concurso em todo o Mundo".

Depois do sistema de votação online ter estado praticamente inoperacional durante o segundo período de votação no Festival Eurovisão Júnior 2017, a EBU/UER publicou um pequeno comunicado na página oficial do certame no Facebook sobre a polémica. "Numa primeira avaliação à plataforma de votação, parece que uma das características de segurança para garantir que cada pessoa apenas poderia votar uma vez causou um atraso" pode ler-se no comunicado, garantindo que "infelizmente houve atrasos para muitos internautas, o que fez com que não conseguissem aceder ao site da votação".

Contudo, a entidade máxima do certame revela que "no total, recebemos quase 330 mil votos, de mais de 100 países, o que é um claro sinal da popularidade do concurso em todo o Mundo". Também Jon Ola Sand, chefe dos eventos ao vivo da EBU/UER, mostrou o seu orgulho na transmissão de Tbilisi: "As apresentações foram incríveis e estamos orgulhosos de ver como o formato continua a apoiar jovens artistas e os traz para uma audiência internacional. A votação online foi uma nova adição ao certame este ano e ficámos satisfeitos com o elevado número que recebemos de todo o Mundo. O nosso objetivo era abrir o concurso a um público mais amplo e estamos satisfeitos por ter conseguido".


Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte: Eurovoix /Imagem/Vídeo: JuniorEurovision.tv

1 comentário(s):

Temas em Destaque

 
Top