Portugal escolhe, esta tarde, o sucessor de Pedro Madeira e Jorge Leiria na lista de representantes de Portugal no Festival Eurovisão Júnior. O ESCPortugal recolheu algumas curiosidades sobre as anteriores edições da final nacional portuguesa para o concurso infantil.

Portugal nunca foi representado por uma menina na Eurovisão Júnior
Ao contrário da maioria dos países, Portugal nunca se fez representar por uma criança do sexo feminino no Festival Eurovisão Júnior. Com sete vitórias a solo, as pequenas mulheres lideram o concurso contra cinco vitórias dos rapazes, sendo que nos últimos anos apenas 7 meninos subiram ao palco do concurso infantil. Albânia, Austrália, Irlanda e Polónia, países atualmente a concurso, nunca se fizeram representar por nenhum menino na competição.


Jorge Gabriel faz o pleno nas apresentações
Jorge Gabriel, apresentador da RTP, consegue, esta tarde, um feito histórico e inédito na história do Festival Eurovisão Júnior: o apresentador foi o responsável pela apresentação das três edições das finais nacionais portuguesas para o certame. Em 2006, o apresentador foi acompanhado por Helena Coelho na condução do Festival da Canção Júnior, sendo que, no ano seguinte, Merche Romero, Débora Amado e Luís Ganito juntaram-se a Jorge Gabriel na apresentação. Dez anos depois, chega a vez de Sónia Araújo apresentar o Juniores de Portugal juntamente com Jorge Gabriel.


RTP aposta numa seleção semi-interna pela primeira vez na história
Em mais de 50 anos de participações eurovisivas, a RTP apostou, este ano, num modelo nunca antes utilizado para a Eurovisão: o tema foi escolhido internamente, sendo que o intérprete será escolhido publicamente. Apesar dos anteriores candidatos no Festival Eurovisão Júnior terem sido escolhidos pelo público (100%) no Festival da Canção Júnior, a estação portuguesa já apostou em seleções internas (2005) e em escolhas dos cantores internamente (1976/2003) para o Festival Eurovisão, havendo também um Festival da Canção que contou com dois candidatos distintos a interpretar cada canção a concurso (1977).


Do Festival da Canção Júnior para a ribalta
Com quatro discos lançados desde a vitória no Tivoli, Pedro Madeira é o maior exemplo de sucesso de um ex-participante no Festival da Canção Júnior. Contudo, não é o único: Mariana António, atualmente conhecida como Mariana Pacheco, participou na edição inaugural do concurso, tendo sido recentemente uma das protagonistas de uma telenovela da SIC. Também Filipe Kiel (AQUI) e Marisa Almeida têm estado na ribalta depois da participação no concurso.


Seleção para o Festival Eurovisão Júnior saí de Lisboa pela primeira vez
Palco da grande maioria das finais nacionais realizadas pela RTP, Lisboa foi a sede das duas edições do Festival da Canção Júnior, tendo ambas sido sediadas no Teatro Tivoli. A escolha do Centro de Produção Norte da RTP, em Gaia, faz com que esta seja a primeira seleção portuguesa para a Eurovisão realizada fora da Zona Metropolitana de Lisboa desde 2001, ano em que o Festival da Canção foi realizado em Santa Maria da Feira.


É a primeira vez que Portugal implementa um sistema de júri na seleção
Nas duas edições do Festival da Canção Júnior realizadas em 2006 e 2007, os vencedores foram escolhidos exclusivamente por televoto, sendo que o mesmo apenas teve disponível durante o concurso. Contudo, este ano, o representante de Portugal em Tbilisi será escolhido por um misto 50%/50% entre o televoto (cujas linhas estão abertas desde sexta-feira passada) e por um painel de jurados, composto por Carlos Mendes, Inês Santos e Pedro Gonçalves.

Saiba AQUI como acompanhar o Juniores de Portugal.

Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte e Imagem: ESCPortugal / Vídeo: Youtube

0 comentário(s):

Enviar um comentário

Temas em Destaque

 
Top