Enquanto as tensões entre a Coreia do Norte e os Estados Unidos da América só aumentam, o senador italiano Antonio Razzi pretende levar o grupo Il Volo ao país asiático para promover "uma grande festa nacional". Também o jovem jogador Paulo Dybala está no pensamento deste líder político.  

O senador António Razzi é amigo pessoal do líder norte-coreano e tem uma opinião diferente sobre a Coreia do Norte. O parlamentar já chegou a afirmar numa entrevista que Kim Jong-un é "moderado e que está a tentar democratizar o país". Na sua última visita à Coreia do Norte, Razzi destacou que Kim Jong-un "sabe tudo" e é fanático pelo futebol italiano, além de ser apaixonado por música. E, para alimentar essas paixões do líder norte-coreano, o político italiano deseja levar a esse país o grupo Il Volo, bem como o atacante da Juventus Paulo Dybala. "Quero levar Dybala para a Coreia do Norte e também estou a tentar os Il Volo. Eu sei que Kim Jong-un é muito apaixonado por desporto e música. Se eu os levar para lá, haveria 200 mil pessoas no estádio, colocariam ecrãs gigantes, seria uma grande festa nacional", afirmou Razzi. A ideia do membro do partido Forza Itália seria apaziguar as tensões entre a Coreia do Norte e o Ocidente.

O grupo Il Volo representou Itália no Eurovision Song Contest 2015 com o tema 'Grande Amore'. Apesar da vitória esmagadora no televoto, o grupo terminou o concurso na terceira posição com 292 pontos, cuja prestação pode recordar de seguida:


Esta e outras notícias também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: UOL / Imagem: GOOGLE  / Vídeo: YOUTUBE

0 comentário(s):

Enviar um comentário

Temas em Destaque

 
Top