Hong Kong, Sidney e Singapura são as três cidades interessadas em sediar a primeira edição do Eurovision Asia Song Contest, mas a cidade australiana parece ganhar vantagem na corrida.

Apesar de não ter sido avançada qualquer informação sobre a primeira edição do Eurovision Asia Song Contest, cujo formato foi apresentado oficialmente na passada sexta-feira (AQUI), três cidades asiáticas poderão estar na corrida para receber a competição: Hong Kong, Sidney e Singapura.

A informação foi avançada por Paul Clarke, um dos responsáveis pelo evento, numa entrevista, sendo notória a vantagem da candidatura australiana: além do apoio do governo local, a cidade de Sidney tem o apoio da Destination New South Wales, uma das maiores companhias de viagens da região. O facto da SBS, emissora da Austrália participante no Festival Eurovisão, estar envolvida na fundação do certame, também poderá ser uma vantagem para a candidatura.

Por outro lado, o governo de Singapura terá apresentado um orçamento de 4 milhões de dólares (cerca de 3 milhões e 400 mil euros) para a organização do certame, relembrando que o país foi um dos participantes na primeira edição do Our Sound - The Asia-Pacific Song em 2010. 

De acordo com o Sr. Clarke, a oferta de Sydney não só tem o apoio do governo local, mas também o destino New South Wales. Sydney foi apontada como uma cidade anfitriã inicialmente possível para o concurso devido ao envolvimento da emissora australiana, a SBS, na formação da competição. Também Hong Kong terá avançado com uma candidatura, não tendo sido confirmado se o governo local apresentou qualquer financiamento para a organização do concurso.


Este e outros artigos também no nosso FacebookTwitter e Instagram. Visite já!
Fonte: Eurovoix/ESCPedia/ Imagem: ESCPortugal/ Vídeo: eurovisionasia.tv

5 comentário(s):

  1. Anónimo19:33

    Não vejo nada de benéfico na criação deste formato...Vão organizar 2 ou 3 anos e depois fazem uma fusão da Eurovisao com a Eurovisao Ásia, desvirtuando totalmente a conduta do certame...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Rui Ramos19:36

      Acho melhor esse concurso do que ter países da Ásia e Oceania na Eurovisão

      Eliminar
  2. Anónimo21:00

    Vai ser em Sidney obvio.. A australia tem ja experiencia na Eurovisao por participar... Para alem disso se Singapura apenas da 3 milhoes... Nao da para nada...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo00:20

      Que experiência é que adquiriram em 2 anos? Podem ter é dinheiro... mais nada.

      Eliminar
  3. Anónimo13:57

    Alguém me pode dizer onde encontraram a informação de terem realmente realizado o certame em 2010?

    ResponderEliminar

Temas em Destaque

 
Top