Os Sunstroke Project estão a ser criticados pela imprensa moldava após a presença do grupo num programa da televisão pública russa.


Depois de terem obtido o melhor resultado de sempre para a Moldávia no Festival da Eurovisão, os Sunstroke Project estão agora debaixo de uma chuva de críticas da imprensa moldava. O trio foi convidado pelo ChannelOne, da Rússia, a marcar presença no programa Let Them Talk, gravado no dia a seguir à grande final da Eurovisão 2017. A eles juntou-se ainda Kristian Kostov, via satélite, e Julia Samoylova.

O segmento onde os representantes moldavos, búlgaro e russa marcaram presença foi chamado de "Lista Negra para a Eurovisão", numa clara alusão à exclusão de Julia Samoylova de entrar em território ucraniano, que resultou na retirada da Rússia do concurso europeu. O programa ficou mesmo marcado pela forte campanha anti-Ucrânia e pró-Rússia. Entre outras coisas, os apresentadores defenderam que Kristian Kostov só não venceu a Eurovisão porque vive em Moscovo.

Sergey Ialovitsky, vocalista principal dos Sunstroke Project, foi responsável por um dos principais momentos do programa. Quando Andrey Malakhov, apresentador do programa, anunciou que Julia Samoylova representaria a Rússia em Portugal, Ialovitsky apressou-se a correr para a cantora e beijou-lhe a mão.

Os Sunstroke Project têm sido criticados por participarem num programa com uma forte mensagem política e por não terem dado a primeira entrevista pós-Eurovisão ao canal público moldavo. Sergey Stepanov, o "Epic Sax Guy", defendeu o grupo dizendo "sabemos o que tem sido escrito sobre nós, nós temos Facebook... Caros amigos, gostaríamos de ter vindo a casa primeiro, para relaxar, para dar entrevistas a todos, mas o facto de um programa tão importante, com uma audiência tão grande se ter interessado pelo nosso país, não podíamos recusar. Especialmente porque fomos convidados para lhes contar o que se passou [na Eurovisão]. Por favor não se zanguem connosco. Acreditem em nós quando dizemos que teria sido muito mais reconfortante termos ficado em casa".


Esta e outras notícias também no nosso Facebook. Visite já!
Fonte: wiwibloggs / Imagem e Vídeo: eurovision.tv

5 comentário(s):

  1. Anónimo00:07

    o estado portugues devia proibir essa coitadinha da julia de entrar no nosso pais, ridiculo dizerem que o kristian so nao ganhou por viver na russia.. amigos o televoto e o juri foram claros, portugal ganhou justamente, e olhem que o kristian teve muitas vantagens, atuou em 25, cantou em ingles, etc.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Só concordo contigo quando referes que o o televoto e o juri foram claros e que ganhamos justamente. De resto, vantagens? Cantar em inglês? Viu se quem ganhou...
      #25? Nao acho que seja favorável... pode correr bem como tb mal... #tb Letónia na sua semifinal

      Viva Portugal 💪 #hatersgonnahate

      Eliminar
    2. Anónimo00:48

      Concordo , atuar nos últimos lugares e vantagem sim , neste caso não foi logo também concordo que foi uma vitória justa para Portugal

      Eliminar
    3. Anónimo03:17

      Cantar em ingles não é vantagem nenhuma. Cada pais escolhe a Lingua que quer. Quem não cantar em ingles é porque não quer

      Eliminar
    4. Proibir uma cantora? Duvido que Portugal iria se rebaixar a isso, sendo que não é nada haver com o país.

      Eliminar

Temas em Destaque

 
Top