Os fãs acreditados pela EBU/UER presentes no Press Center do Festival Eurovisão 2017 consideraram o ensaio de Itália como o melhor da primeira ronda dos finalistas automáticos. Reino Unido seguiu-se nas preferências e Espanha terminou em último.

Tal como aconteceu na primeira ronda de ensaios dos semifinalistas, os fãs acreditados pela União Europeia de Radiodifusão presentes no Press Center do International Exhibition Centre votaram nos seus favoritos dos ensaios dos finalistas automáticos desta tarde. Itália, favorita à vitória, liderou a votação com 133 pontos, seguida pelo Reino Unido (97) e de França (31). Por outro lado, Ucrânia e Alemanha empataram com 25 pontos, enquanto que Espanha apenas somou 4 pontos.

Recorde AQUI os ensaios do sexto dia.



Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte: ESCToday / Imagem: eurovision.tv

8 comentário(s):

  1. Anónimo19:51

    Só por causa de ser a Itália! Eles nem estavam sicronizados com os bonecos atrás 😐 Para mim a França foi a melhor mas gostei de todos. Até me surpreenderam

    ResponderEliminar
  2. Anónimo20:03

    Portugal ultrapassou a Bulgária e está neste momento em 2° nas apostas! :))

    ResponderEliminar
  3. Anónimo20:15

    Ooops, lá vai a França por ali abaixo...

    ResponderEliminar
  4. Anónimo21:17

    Na minha opinião estava melhor só ele e o gorila, sem essas cores todas atrás e muito menos aqueles quatro do lado direito... quem diria que com os comentários sem sal que andavam por aí sobre o ensaio a Itália ia ficar em 1o na press pool!

    ResponderEliminar
  5. Anónimo21:34

    Que surpresa tão grande... é a mesma imprensa que anda a promover há meses a canção à exaustão...

    ResponderEliminar
  6. Anónimo01:20

    Encontrei este comentário muito crítico da canção italiana. (Não que este tipo de considerações venham a ter grande influência no resultado final ou que venham a interessar o espetador em casa... mas ainda assim, Occidentali's Karma pode não ser um vencedor por unanimidade...)

    I think the song is meant to criticise “cultural appropriation” – basically, Western people using something of great value from another culture without honouring and respecting it enough. Many people use Buddha statues as mere decoration, for example. Some proclaim their love for Hinduism because they have yoga lessons twice a week. They see other people’s cultures and religions as an exotic holiday.

    Oddly enough, Francesco is doing the very thing he’s criticising in his music video.
    I suppose he’s trying to point that cultural appropriators come across rather ridiculous.

    Anyway. Italy used to be one of my favourite ESC entries of 2017, but lately I’ve had mixed feelings about the song’s negative message. Do we really want another winner who’s pointing their finger at people who did wrong? 1944 was on a much more serious note, obviously, but maybe you see similarities like I do.

    http://wiwibloggs.com/2017/05/05/namaste-francesco-gabbani-explodes-with-colour-during-playful-first-rehearsal/188789/

    ResponderEliminar

Temas em Destaque

 
Top