Os resultados audiométricos da primeira semifinal do Festival Eurovisão 2017 começam a ser revelados nalguns países. Saiba quantas pessoas viram o apuramento de Portugal para a Grande Final!

A transmissão da semifinal em Itália conseguiu o melhor resultado audiométrico de sempre: no total, 514 mil pessoas sintonizaram a RAI4 para acompanhar o certame, algo que representa 1,98% da quota de mercado. Em 2016, a semifinal em que Itália participou foi acompanhada por 357 mil italianos.

Na Holanda, um total de 1 milhão e 446 mil pessoas acompanharam o Festival Eurovisão 2017, sendo o segundo programa mais visto do dia com uma quota de mercado de 25,8%. Comparativamente ao ano passado, o número de espectadores que acompanharam a semifinal em que o país não participou subiu em 214 mil. De realçar que o programa 'Op Weg Naar Eurovisie Songfestival', transmitido meia hora antes do concurso, foi visto por 1 milhão e 268 mil pessoas, o terceiro mais visto do dia.

A Polónia teve um pico de 2,7 milhões durante a transmissão, sendo que 1,7 milhões de telespectadores acompanharam a transmissão na TVP1 e outros 113 mil na TVP Polónia. Contudo, tais valores mostram um aumento de 400 mil espectadores comparativamente à final nacional realizada em março.

Também a Alemanha registou um aumento nas audiências: com a transmissão assegurada pela Phoenix, pela primeira vez, o concurso aumentou 200 mil espectadores. No total, 560 mil pessoas acompanharam o certame, com uma quota de mercado de 2,2%.

Em França, a transmissão da semifinal 1 do Festival Eurovisão 2017 foi acompanhada por 573 mil espectadores, um aumento de 40 mil comparativamente com a primeira semifinal da edição do ano passado. De destacar que, após a semifinal, a canção de Portugal entrou para a 181.ª posição do iTunes de França, a única canção a concurso a conseguir esta proeza.

No Reino Unido, a emissão da semifinal 1 do Festival Eurovisão foi acompanhada por 480 mil espectadores, exatamente o mesmo número registado na edição do ano passado. A quota de mercado foi de 2,5% na BBC4, canal em que foi transmitido o concurso.

Por outro lado, em Espanha, a transmissão da semifinal obteve o pior resultado da época das semifinais: o concurso foi acompanhado por 506 mil pessoas, em média, o que se traduz numa quota de mercado de 2,8%. Comparativamente com 2016, o concurso perdeu 63 mil espectadores, cerca de 11%. De realçar que o concurso foi transmitido no La2 ficando, contudo, acima da média de transmissão do canal que é de 2,7%.

Também na República Checa, os números da semifinal caíram: cerca de 145 mil pessoas acompanharam a eliminação de Martina Bárta, sendo que a atuação da jovem foi o momento mais visto da noite com 183 mil checos a sintonizarem a transmissão. Contudo, comparativamente ao ano passado, o programa perdeu 85 mil espectadores, cerca de 37% da audiência total.

Na Áustria, o concurso teve 328 mil pessoas sintonizadas, em média, sendo que o ponto alto da transmissão contou com 395 mil espectadores. Comparativamente com o ano passado, a transmissão perdeu cerca de 91 mil espectadores.

Na Bélgica, o apuramento de Blanche foi acompanhado por 1 milhão e 818 mil espectadores em média. Na Flandres, 817 865 pessoas acompanharam a transmissão, que teve 39,6% de share, sendo que na altura da revelação dos finalistas, a competição estava a ser acompanhada por 955 mil espectadores. Em Walloon, cerca de 363 mil pessoas acompanharam a transmissão.

Aceda AQUI às audiências em Portugal.

Esta e outras notícias também no nosso Facebook. Visite já!
Fonte: eurovoix / Imagem: eurovision.tv

9 comentário(s):

  1. Anónimo10:53

    Não nos podemos admirar com resultados audiométricos. Quando se vê um país como França a ter audiências de 500 mil espectadores...

    ResponderEliminar
  2. Anónimo11:09

    e em Portugal?

    ResponderEliminar
  3. Anónimo11:23

    Péssima ideia da organização escolherem o mesmo dia da meia final da champions

    ResponderEliminar
  4. Anónimo11:28

    Se com toda a publicidade feita a volta da nossa canção em todos os canais de comunicado do país, um record de audiência de uma semifinal em Portugal não acontecer não sei o que se pode fazer mais

    ResponderEliminar
  5. Anónimo11:36

    Nao me admiro nada em relacao a Republica Checa.
    Das pessoas com quem eu falava sobre a Eurovisao, praticamente so os estrangeiros e que estavam a par do festival deste ano... ou ate do Festival em geral.
    Acredito que a grande maioria dos espectadores tenham mesmo sido os estrangeiros.

    ResponderEliminar
  6. Anónimo11:44

    O ESC precisa URGENTEMENTE da vitória de Portugal para voltar a ganhar credibilidade. Passar a investir 80% em canções genuínas e não os 20% (e já é muito) das duas últimas décadas.

    ResponderEliminar
  7. Creio que as audiências dependem também do canal nacional que transmite. Aqui na Holanda, as duas semifinais e a final são sempre no primeiro canal (NPO1) e em direto, mas no Reino Unido, as semifinais são na BBC4 (enquanto que a final é na BBC1).

    ResponderEliminar
  8. Anónimo12:14

    Em espanha tuvo pouca audiencia porque este ano ninguen gosta de Manel Navarro entao, estamos tudos a torcer pelo Salvador, ojala ganhe na grande final....muita sorte portugal!!

    ResponderEliminar
  9. Anónimo14:53

    A Holqnda tem resultados excelentes mesmo... E nem era a semifinal deles...

    ResponderEliminar

Temas em Destaque

 
Top