Vários nomes conhecidos da música russa estão a organizar um flash mob para apoiarem a participação de Julia Samoylova no Eurovision Song Contest 2017.


Artistas de toda a Rússia estão a preparar um flash mob para apoiarem publicamente a participação de Julia Samoylova no Festival da Eurovisão de 2017. Oleg Gazmanov, Olga Orlova, Margarita Pozoyan, Valeriya, Arsenium, Dmitry Koldun, Anna Shulgina, Anastasiya Kraynova, Lyudmila Sokolova e Yaroslava Dyagtyarova são os principais nomes envolvidos. Destes, três têm ligações à Eurovisão: Valeriya foi segunda classificada na final nacional russa de 2009, Arsenium representou a Moldávia na Eurovisão 2006, e Dmitry Koldun representou a Bielorrússia em 2007.

Julia Samoylova foi banida pelas autoridades ucranianas de entrar no país, depois de ter sido descoberto que deu um concerto na Crimeia, tendo entrado na península sem autorização dos ucranianos, pelo lado da Rússia. O Channel 1 ainda não decidiu se participa, ou não, na Eurovisão 2017, sendo que a UER tem forçado os ucranianos a deixarem Julia Samoylova entrar no país. Frank-Dieter Freiling, chefe do grupo de referência da UER, disse recentemente que avisou Kiev que todos os participantes selecionados devem participar na Eurovisão.


Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte: eurovoix / Imagem: escpedia / Vídeo: eurovision.tv

6 comentário(s):

  1. Isso não vai adiantar nada. [-(

    ResponderEliminar
  2. Somente uma correção, Dimitry representou Belarus no ESC 2007.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bobby21:57

      Jefferson,
      o país cuja capital é Minsk chama-se BIELORRÚSSIA e não "Belarus". :-?
      Obrigado.

      Eliminar
    2. Anónimo22:52

      Correção porquê?... Belarus em português é Bielorrússia...

      Eliminar
    3. Ta bom, é porque antes estava Bósnia, ele já editou. Bielorrússia é o correto sim, não Belarus que eu escrevi, me perdoem.

      Eliminar
  3. Anónimo21:50

    Muito bem. Fazem bem em apoia la masnoe ntanto creio que a Ucrania infelizmente nao mudara de opiniao...

    ResponderEliminar

Temas em Destaque

 
Top