Artsvik também poderá estar a ser investigada pelos serviços secretos ucranianos por ter atuado na Crimeia.


A imprensa russa escreve hoje que Artsvik poderá estar a ser investigada, pelos serviços secretos ucranianos, por ter dado um concerto na Crimeia, desde que a península é ocupada pelos russos. A AMPTV, estação pública arménia, revelou que não recebeu qualquer notificação das autoridades ucranianas.

Segundo a imprensa russa, Anton Geraschenko, conselheiro do ministro da administração interna ucraniano, confirmou que a investigação a Artsvik existe. Se tal visita for provada, a cantora poderá ser impedida de entrar em território ucraniano, e assim não poderá representar o seu país no Festival da Eurovisão. A cantora russa Yulia Samoilova encontra-se na mesma situação (AQUI).


Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte: eurovoix / Imagem: kremlinpalace / Vídeo: eurovision.tv

4 comentário(s):

  1. Anónimo21:43

    Epah chega.. A EBU que fac algo.. A Russia, agora a Armenia.. Isto e ridiculo.. Os cantores apenas vao fazer uma atuacao de 3 minutos ou 2 caso passem a final.. No vao fazer apelos politicos nem nada parecido.. A urcania ja me irrita. Tem razao quanto a situacao da crimeia mas isto e um concurso de musica e nao de rivalidades.. A EBU que tire a organizacao a Ucrania nem que oconcurso seja adiado

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo14:22

      Daqui a pouco são todos os países expulsos

      Eliminar
  2. É rumor... já foi desmentido

    ResponderEliminar
  3. Anónimo21:16

    Nao tarda sao todos😅😅😅

    ResponderEliminar

Temas em Destaque

 
Top