O recurso aos confetes é um dos efeitos especiais mais utilizados no Melodifestivalen. Contudo, a edição deste ano não terá esse efeito especial por razões de segurança, afirmou a emissora sueca.

Considerado um "clássico da música schlager", o recurso à chuva de confetes foi abolido na edição deste ano do Melodifestivalen 2017. A informação foi garantida por Henric von Zweigbergk, um dos elementos da produção do evento: "Houve uma proibição geral do efeito especial. Não haverá nenhuma utilização este ano".

Além das regras de segurança, as razões estéticas foram decisivas para a abolição: "O risco de incêndio foi uma das razões que mais pesaram na decisão, mas o facto do chão do palco ser feito de LEDs de alta tecnologia também foi fulcral", afirmou, recordando que os confetes expelidos são difíceis de limpar e a sua introdução nos aparelhos de luz e de fogo podiam por em causa a segurança dos participantes.

Recorde, de seguida, algumas das atuações da última edição que recorreram ao efeito especial:

c





Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte: Expressen / Imagem: SVT / Vídeo: Youtube

0 comentário(s):

Enviar um comentário

Temas em Destaque

 
Top