A segunda semifinal do Festival da Canção 2017 foi acompanhada por 503 mil pessoas, sendo o 13.º programa mais visto do dia na televisão portuguesa.

Apresentada por Tânia Ribas de Oliveira e Jorge Gabriel, a semifinal 2 do Festival da Canção 2017 foi transmitida na noite passada, em horário nobre, pela RTP1, culminando com a eleição dos últimos quatro finalistas do certame nacional (cujos resultados pode acompanhar AQUI). A competição foi acompanhada por 503 mil pessoas, o que se traduziu em 5,3% de rating e 11,4% de share, perdendo cerca de 80 mil espectadores comparativamente com a primeira semifinal (AQUI).

O programa foi o segundo mais visto da RTP1 (perdendo apenas para o Jornal da Tarde por cerca de 30 mil espectadores), tendo sido o 13.º mais visto na televisão portuguesa durante o dia de ontem. Contudo, no confronto direto, a televisão público ficou na terceira posição: A Tua Cara Não Me É Estranha (TVI) liderou o horário, com 1 milhão e 200 mil espectadores (12,6/28,1), seguida de Agarra a Música (SIC) com 850 mil pessoas (8,9/12,2).

Aceda AQUI às audiências na íntegra.

Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte: ATelevisão/ Imagem/: RTP 

13 comentário(s):

  1. Anónimo13:39

    O festival é bem mais interessante que o Agarra a Música, enfim

    ResponderEliminar
  2. Anónimo14:04

    É pena que tenha perdido audiências em relação à primeira semi, visto que esta foi melhor na minha opinião! Mas como a primeira correu tão mal as pessoas desistiram de ver a segunda

    ResponderEliminar
  3. Anónimo14:09

    A rtp não sabe agarrar a pérola que tem

    ResponderEliminar
  4. Cláudio Silva15:11

    Não me surpreende nada. As pessoas viram a primeira semifinal e perceberam logo que não valia a pena assistir às restantes galas. A RTP é a única responsável pelo seu próprio fracasso.

    ResponderEliminar
  5. Anónimo15:18

    A primeira semfinal afugentou os espectadores, é uma pena pq esta semi foi bem melhor

    ResponderEliminar
  6. Anónimo15:29

    TVI e SIC, chamadas à caixa central...Por favor tirem o festival das mãos da RTP URGENTEMENTE

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo16:02

      Nem a SIC nem a TVI o poderão fazer sem que a RTP desista do ESC e se desvincule da UER (que é muito mais do que o ESC). A UER é uma união de estações públicas antes de tudo o resto, portanto não vale a pena bater na mesma tecla uma e outra vez.

      Eliminar
  7. Anónimo15:41

    como e possivel que o programa Agarra a Musica tenha tido mais gente a ver que o festival da canção, como e possivel ....

    ResponderEliminar
  8. Anónimo16:40

    É incrível como um programa de imitações tem mais do dobro dos espectadores que o (supostamente) maior festival televisivo português.
    O português típico já não acredita num bom resultado na Eurovisão devido a algumas injustiças da gente europeia, mas principalmente por culpa da RTP (má organização e degradação do nome do FdC). Já existiram tantos fracassos...
    E um festival que tem somente como objetivo eleger alguém para outro festival europeu onde já é esperado um mau resultado não pode ter grandes resultados de audiência, mesmo com os upgrades que existiram este ano.

    ResponderEliminar
  9. Anónimo16:51

    Adorei esta semi!

    ResponderEliminar
  10. Anónimo16:52

    É super normal com o enrolanço e com o encher de chouricos que a RTP nos habituou. A gala ficava despachada em 1 hora e pouco, mas demorou quase 3 horas. As pessoas hoje em dia querem dinamismo e algo concreto acima de tudo. E a concorrencia tem isso. Até conseguem galas semanais gravadas com qualidade audiovisual superior a um programa que está a ser preparado há 2 anos. Isso chama-se ambicionar qualidade e audiências.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Concordo. Para uma SF é completamente descabido aquela duração... E, claro está, não ajudou em nada o facto da 1ª SF ter sido pior que a 2ª (o sorteio foi nitidamente desfavorável)... quem viu a 1ª, já não "arriscou" novamente. Esperemos que a Grande Final traga melhores audiências!

      Eliminar
    2. Serei o único a achar que o vocalista dos "Real Combo Lisbonense", Ian Mucznik, dá ares do Sérgio Godinho?

      Eliminar

Temas em Destaque

 
Top