Além de recusar a demissão e de recordar que 'ha uma equipa por trás de todos os processos", Toñi Prieto, diretora de programas na RTVE, garante que a emissora espanhola está aberta a todas as sugestões e propostas para Kiev.

"Estamos abertos a tudo: tanto a artistas e discográficas, bem como a anónimos": assim respondeu Toñi Prieto, diretora de programas de entretenimento da RTVE, às questões sobre a situação atual do projeto da emissora espanhola para o Festival Eurovisão 2017. A dirigente garantiu que a cadeia pública está a analisar todas as opções, mas admite que é pouco provável que aconteça uma final nacional com diversas galas, como havia sido anunciado pela imprensa (AQUI): "já apostámos num programa com treze episódios para a Eurovisão em três ocasiões. Não deverá acontecer de novo".

"Também poderia ir o vencedor do «La Voz» ao Festival Eurovisão ou um participante... Desde que traga uma boa canção, estamos abertos a qualquer candidato" afirmou Prieto, garantindo que o processo ficará concluído brevemente: "proximamente iremos anunciar qual a decisão que todos tomámos".

Contudo, quando confrontada com as inúmeras petições a exigir a sua demissão devido aos maus resultados, a diretora de programas garante que "não penso atirar a toalha ao chão e continuarei a trabalhar". Além disso, Toñi Pietro lamenta que "as pessoas não compreendam que a gestão das candidaturas não está centralizado em duas pessoas (referindo-se a si e a Federico Llano, chefe de delegação a quem é também pedida a demissão) mas sim numa equipa. Simplesmente somos nós a dar a cara".

Estreante em 1961, Espanha participou initerruptamente no Festival Eurovisão contabilizando um total de 56 participações. Com duas vitórias no curriculum em 1968 e 1969, o país tem ficado de fora dos bons resultados nos últimos anos: a última presença no pódio aconteceu em 1995 (2.º) e, desde então, apenas conquistou sete presenças no top10. Em Estocolmo, Barei e Say Yay foram os representantes espanhóis tendo terminado a competição no 22.º posto da Grande Final, apesar de algum favoritismo inicial. Recorde, de seguida, a atuação:


Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte: eurovision-spain/ Imagem/Vídeo: eurovision.tv

0 comentário(s):

Enviar um comentário

Temas em Destaque

 
Top