Júlia Pinheiro dedica a edição deste mês do seu projeto online à música. Simone de Oliveira, Paulo de Carvalho, Agir e Romana são alguns dos entrevistados, falando das suas carreiras e das vidas.


"Júlia de bem com a vida" é uma aplicação mensal, gratuita, disponível para smartphones e tablet’s com o sistema operativo Android e IOS. Apesar da periodicidade mensal, o site tem atualizações diárias. Na apresentação desde novo projeto, que decorreu em março passado, Júlia Pinheiro referiu “rostos e histórias é o que vão poder encontrar aqui, reflexão, partilha e informação. Causas e paixões”.

A nova edição é dedicada à música. O projeto online celebra, assim, o pop, o fado, a música popular, o hip hop e o rock. Entre veteranos e jovens talentos, Júlia reuniu “uma verdadeira seleção nacional”, como apelidou. Diversas figuras subiram, então, ao palco do Coliseu de Lisboa mas não foi para cantar.

Para além dos diversos conteúdos que podemos encontrar na app e no site, destacam-se as breves entrevistas em vídeo. Simone de Oliveira conta a primeira vez que ouviu “Desfolhada” e revela algumas confidências daquilo que acontece nos bastidores da Eurovisão. Paulo de Carvalho confessa que ouve muita música das gerações mais novas. Agir, por seu turno, afirma que se inspira na geração do seu pai, Paulo de Carvalho. Romana sublinha que é, no público, que se inspira para as diversas experiências que vai fazendo no campo profissional.

SIMONE DE OLIVEIRA


PAULO DE CARVALHO


ROMANA


AGIR


Outras entrevistas AQUI 

Esta e outras notícias também no nosso Facebook e Twitter. Visite já!
Fonte e imagem: JÚLIA DE BEM COM A VIDA  / Vídeo: YOUTUBE

7 comentário(s):

  1. Simone para sempre,ela fala e fica-se preso ao que ela diz e a espera do que ela vai dizer.Depois,sim,Agir,a dar uma amostra daquilo que sabe fazer com a sua voz liberta de efeitos."Flor sem tempo" versao R&B? Venha la ela! Obrigado! (h) (h)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anabela Banana17:10

      Ai que saudades do restaurante o candelabro!!!!

      Flor sem tempo R&B? mmmm

      Eliminar
    2. Anabela amiga,"Flor sem tempo"R&B,um pouco tal como em tempos"Killing me softly"de Roberta Flack, em R&B/Hiphop decenios mais tarde por The Fugees.Alias sao cançoes mais ou menos da mesma epoca.Ao ouvir o Agir a canta-la,foi logo o que me veio a cabeça. XXX

      Eliminar
  2. Ricardo Alves15:22

    Olhem que cartaz tão bom para o FC2017. O local tambem esta aprovado :-)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Anónimo18:17

      bem visto!! :-) :-)

      Eliminar
  3. Anónimo21:57

    Vao transmitir o concerto da Filipa Azevedo? A que horas?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Caro anónimo das 21.57: o vídeo está disponível aqui: https://www.facebook.com/escportugal/videos/10157136188050720/

      Eliminar

Temas em Destaque

 
Top